Regiões Produtoras – França – Borgonha

Scroll down to content

É impossível falar da Borgonha sem falar de seus vinhos. É nesta região francesa que se encontram as bebidas mais famosas e caras do mundo. Isso é resultado de seu Terroir.
Terroir é uma palavra francesa sem tradução literal, embora em português a palavra seja semelhante a “terra”. No mundo do vinho, no entanto, é muito mais do que isso.

Terroir é a coleção de três fatores principais: solo, clima e interação de pessoas e plantas que dão aos vinhos resultantes uma quintessência única que ninguém mais pode igualar.

A região da Borgonha tem características vitícolas especiais, com solos geológicos ricos e um microclima especial. Possui múltiplas microzonas e, embora as castas sejam as mesmas, as uvas cultivadas em cada zona são completamente diferentes. O que justifica a singularidade de cada microrregião é a divisão das diferentes parcelas ao longo dos anos. Mais de 100 Denominações de Origem Controlada (AOC) ou Denominações de Origem Controlada foram delineadas.

Estas certificações garantem a origem e tipicidade dos vinhos franceses. O sistema AOC da Borgonha usa quatro nomes:

  • Cru Regional – Eles são feitos de variedades de uvas cultivadas em vinhedos na região da Borgonha.
  • Cru Village – Tome o nome da aldeia ou comuna onde a vinha está localizada. Os vinhos do país podem ser feitos misturando uvas cultivadas em diferentes vinhedos.
  • Premier Cru – As denominações Premier Cru identificam vinícolas específicas com Terroir que têm potencial para produzir vinhos excepcionais.
  • Grand Cru – Os vinhos classificados como Grand Cru são considerados a elite dos vinhos da Borgonha.

Com a produção de 60% de Chardonnay, mas mais conhecida por seu Pinot Noir floral e terroso, tem destaque especiais nos seguintes vinhos:

  • Chablis – produz principalmente Chardonnay sem passagem por carvalho, com aromas de maçã Golden, maracujá e frutas cítricas, bem como a elevada acidez, no nível do Grand Cru, o Chablis apresenta notas tostadas devido ao carvalho,
  • Pinot Noir – Côte Dór – os vinhos tem um toque rústico e aromas com notas de cogumelos, vaso de barro e frutas acidas, os Premier e Grand Crus, tem taninos moderados com aromas de cranberry seca, hibisco cristalizado, baunilha e rosas,
  • Chardonnay – Côte Dór – produz principalmente Chardonnays amadeirados, com aromas de mação Golden, creme de limão siciliano, marmelo fresco, baunilha e avelã,
  • Chardonnay – Mâconnais – produz um Chardonnay mais leve e sem passagem em carvalho, com aromas de maçã Golden madura, notas de raspas de limão siciliano, damasco e um acabamento picante,
  • Crémant de Bourgogne – denominação de espumantes que elabora exemplares brancos e roses, com o mesmo método de champanhe, com excepcional qualidade e valor e
  • Pinot Noir – Outras regiões – com aromas de cravo e frutas, como ameixas e boysenberries, além de um toque rústico e mineral de folhas secas e vaso de barro.

Aahhh… aproveite e faça uma visita a minha Loja Wine, consulte ótimas opções e preços de produtos incríveis, e também se preferir me contate para harmonizar seu evento com os vinhos de acordo com o seu publico e preferencias, clicando aqui, combinado?

Bem por hoje ficamos por aqui, semana que vem tem mais, informação para enriquecer seu caminho nessa deliciosa jornada, falaremos sobre as regiões produtoras de vinhos, vamos falar sobre a França – Vale do Rhône.

Mas lembre-se, sempre considere as regras, mas elas têm que atender essencialmente ao seu “gosto”, então não vire o chato do manual ao consumir ou participar de uma degustação, pode ser que o meu “melhor” vinho não agrade o seu paladar e isso não e crime, seja simpático e não critico, é comum acontecer que os gostos não combinem ok? Não precisa brigar por conta de nisso, alegria, felicidade e acima de tudo muita paz!

Santé!!!

O Guia Essencial do Vinho, Madeline Puckette e Justin Hammack, Editora Intrínseca

Enologuia – https://enologuia.com.br/

Associação Brasileira de Enologia – https://www.enologia.org.br/

Família Valduga – https://blog.famigliavalduga.com.br/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: